Resenha: Mulheres solteiras não são de Marte

Sinopse: Diana, Lili e Betina são amigas inseparáveis. E assim como todas as mulheres elas gostam de conversar, passear, fazer compras e namorar. Mas é claro que o universo feminino não é feito só de coisas boas. Como em um papo descontraído no bar Diana vai contando seus problemas cotidianos e seus apuros nos relacionamentos com homens de todos os tipos: canalhas, grudentos, super-heróis, traidores, fofinhos, príncipes, sapos e outros tantos babacas. Com certeza você irá se reconhecer em alguma (ou muitas) das histórias compartilhadas por essas amigas. Uma lição de vida e bom-humor que irá ajudá-la a superar, escapar e reconhecer o que cada homem tem para oferecer. Sem rodeios ou invenções. Baseado no blog Papo de Calcinha, este livro reúne uma coletânea das melhores histórias postadas no site, e algumas outras inéditas para você!
Sabe quando você tem alguma ideia do livro mas, que quando inicia a leitura vê que é muito mais do que esperava? Então, este livro é assim. Pensei que eram apenas alguns contos que não tinham muita ligação e que falavam sobre solteirice. Me enganei totalmente.
O livro não trata apenas de solteirice mas sim de TUDO sobre a vida de uma mulher. Desde homens, contas, roupas até família, porres, etc. Os capítulos são contos, mas logo o leitor percebe que tem sim algumas ligações entre eles. Até porque tem contos que mencionam certos personagens que apareceram em contos anteriores.
Em “Mulheres solteiras não são de Marte” temos três personagens principais: Diana – a protagonista -, Betina e Lili. Três amigas inseparáveis que enfrentam os problemas da idade – em torno dos trinta – e de um mal chamado “homem”. De fato, o livro é muito divertido e super bem humorado. Adorei o jeito de a Letícia escrever como se a Diana estivesse conversando com a leitora. Não preciso nem dizer que eu me senti amiga íntima da protagonista né? Mesmo eu não tendo a faixa etária das personagens do livro, eu me diverti muito com suas aventuras. O livro, nada mais é do que uma amostra da realidade de muitas mulheres adultas. Alguns contos me fizeram refletir bastante e, teve tantos personagens que eu perdi a conta. Durante a leitura dos contos é impossível você não familiarizar com algum personagem ou ver algumas características marcantes do seu amigo/primo/namorado nos personagens masculinos. Ou seja, entre os 50 contos que estão nos livros, é praticamente impossível que você não se identifique com nenhum. Até porque, como eu disse anteriormente, cada conto tem um tema diferente do outro.
Definitivamente, o livro não é manual nem auto-ajuda, até porque ali não encontramos nenhuma resposta. Mas, é aquele tipo de livro que te mostra a situação e te leva a refletir sobre isso. Eu adorei, me diverti muito e já estou até fazendo minhas amigas lerem um conto ou outro – os que eu achei que tem a cara delas. Enfim, é um livro bem fácil de ler, com capítulos curtos – adoro capítulos curtos *-* - e que leva você para uma viagem incrível no mundo das mulheres. Eu recomendo, com certeza!
Assistam abaixo a entrevista realizada pela Universo dos livros com a autora do livro.



19 comentários:

  1. então, não é bem o meu estilo de leitura, mas como já dei chance á alguns livros do gêneros, talvez um dia eu leia este ^^
    ótima resenha ;)

    --
    Gabriel M. Souza
    World of Carol Espilotro
    http://carolespilotro.blogspot.com/
    ps: prometo que da série "Como Treinar o seu Dragao" eu não faço mais resenhas com spoilers... UAHSUAHSUH hm, na verdade acho que o terceiro já não tinha... hahaha'

    ResponderExcluir
  2. Nossa, então esse é daqueles que enganam pela capa hein?!
    Muito legal saber que não é como eu imaginava, parece ser bem legal depois da sua resenha.
    Adorei! xD

    beeeeijo, Nayanne =*
    http://www.bookaholicworld.com/

    ResponderExcluir
  3. Parece ser bem divertido e o legal e gostei do fato de os contos abordarem vários aspectos do universo feminino a tal ponto que é impossível não identificar-se com alguma deles! Também gosto de contos, principalmente quando são curtinhos pois a leitura flui mais rapidamente e conto é pra ser bem assim mesmo, curto, ou não seria considerado conto né. Mas hoje em dia os significados estão se perdendo e já vi livros com histórias curtas sem final passarem por contos por aí. ^^
    Bom conhecer sobre esse livro, pena que no momento não posso adicionar nada na minha listinha pois está esborrando já rsrs! Mas conhecer sobre uma obra de qualidade é sempre bom!

    Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Não me interesso muito por livros desse estilo, mas esse parece ser bem divertido.
    Antes de ler algumas resenhas dele pela blogosfera eu tinha a impressão de ser um livro estilo auto-ajuda também :X usahsauhsa
    Ótima resenha :)
    Beeeijos

    Marina Oliveira
    http://distribuindosonhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ah eu gostei! Mesmo não sendo solteira (feliz casadinha) adoraria ler, pois tenho muitas amigas solteiras, e um dia eu fui uma delas.
    Gostei da dica, e vai pra listinha.
    bjs
    Dri

    ResponderExcluir
  6. Nossa, eu realmente achei que era um livro de 'auto-ajuda' hahahaha- sempre me engano com as capas dos livros ><"
    Mas parece ser bem legal :D
    Também adoro capítulos curtos, te dá a sensação de que você pode ler "só mais unzinho" e lê pelo menos umas 50 páginas lol
    Adorei a resenha :D

    beijooo!

    Ju
    http://julianagiacobelli.com

    ResponderExcluir
  7. Acho que vou me divertir bastante quando ler viu, Thay *-*
    Adorei tua resenha!

    :*
    Mi
    Inteiramente Diva

    ResponderExcluir
  8. Eu acho até legal essa alusão que ele faz no título ao o livro "homens são de marte..bla bla", mas não é muito meu gênero. Não tenho muita paciência para esse tipo de livro.
    Mas gostei da resenha ^^

    beijos!

    ResponderExcluir
  9. adoro chick-lit, mas acho que o clima auto-ajuda desse livro me deixou na defensiva huahauah
    mas, ótima resenha!


    bjs

    ResponderExcluir
  10. Aaah parece ser beeeem legal hein? *-* não tinha muita vontade de ler, mas depois de resenhas boas e positivas como a sua, realmente fiquei com vontade, ahoeiaheoiaheoihae :P Espero poder lê-lo logoooo e me deliciar com essa historia =DDD!

    Beeeijos, nanda
    www.julguepelacapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ai que legal!!
    to com ele aqui mas não tinha lido nenhuma resenha positiva assim, explicando que ele não é mesmo auto-ajuda!!
    pelo que vc escreveu, eu devo gostar!!

    bjs
    hey Evellyn!

    ResponderExcluir
  12. Bom, parece ser legal, embora não seja muito do meu feitio. Vi muitas resenhas legais, espero que eu também tenha essa impressão :P

    Bjs,
    aritmeticadasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Adorei o livro, parece fluente e muito divertido. Beijos.

    http://openmindbook.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Ele não me chama atenção, mesmo depois da resenha, acho que eu peguei trauma de livros de contos porque, aparentemente, todo livros de conto que eu pego para ler é chaaaatoooo. kkk'
    Beijos,K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  15. Eu achei meio auto-ajuda sim, mas enfim UASHAUSUHS Adorei sua resenha (: Alguns contos são muito bacanas e gostei do fato deles serem ligados também, não só largados ao vento (?) UAHSAUHSU

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing

    ResponderExcluir
  16. Oi Thay!

    Parece ser legal, mas não é o meu estilo preferido de leitura. Não gosto muito de contos gosto de um livro que trate apenas de uma estória!

    Matheus, Bobagens e Livros

    ResponderExcluir
  17. Já estou super empolgada para ler esse livro !
    Creio que vai ser a minha próxima compra, passando todas da lista !!!
    Quero me divertir com esse livro !!!
    Adorei a resenha !
    Muito legal escritores brasileiros ! Um Sucesso !!!
    beijos Thay

    ResponderExcluir
  18. Olá, aodreei o seu blog e gostei da resenha. ainda não li esse livro, e pra ser sincera não me interesso muito por ele ;D

    Bjoos;*
    Naty - Just Books !

    ResponderExcluir
  19. Pelo nome do livro eu esperava um livro de auto-ajuda. Gostei da ideia da autora em escrever o livro em forma de contos, como você disse com algum conto você acaba se identificando. Obrigada pela resenha, beeijos.

    ResponderExcluir

Comente! Sua opinião é muito importante:)