Resenha: A outra vida - Susanne Winnacker

Sinopse: O mundo de Sherry — de uma hora para outra — mudou completamente. Por causa de um vírus muito contagioso, as pessoas que ela costumava conhecer, e quase todas as pessoas de sua cidade, Los Angeles, na Califórnia, se transformaram em mutantes assustadores. Esses mutantes têm uma força excessiva, são ágeis, o corpo é coberto de pelos, eles lacrimejam um líquido imundo e… comem gente! Portanto, não há muito o que fazer — talvez tentar fugir — quando se encontra algum deles. A não ser que você tenha ao seu lado a força e a determinação de um jovem como Joshua. Joshua perdeu uma irmã para os mutantes e sua raiva é tão grande que ele seria capaz de vingar todos aqueles que perderam alguém para as criaturas. No entanto, para que esta revanche aconteça, é preciso prudência. Afinal, até que ponto a disseminação deste vírus foi uma coisa realmente natural? Que poderosos interesses estão por trás desta devastação? E será que Joshua e Sherry conseguirão ter a cautela necessária para lutar contra as criaturas justo agora que seus corações estão agitados pelo começo de uma paixão?

Quando vi o livro pela primeira vez fiquei encantada com a capa. A capa deste livro possui alguns elementos de grande significado para a história do livro. Gosto de leituras em que tento decifrar o que vai acontecer, tento relacionar alguns elementos com o seu papel na trama e acho que este livro foi excelente tanto na arte da capa e diagramação quanto na trama em si.

No começo do livro o leitor conhece Sherry e a sua vida isolada do resto da cidade de Los Angeles devido a um vírus contagioso que tomou conta de quase toda a cidade. Ao sair do abrigo em busca de comida, Sherry não sabia quase nada sobre o que tinha acontecido e o motivo para ficarem tantos anos dentro do abrigo. Mas ela vai descobrindo mais sobre a Los Angeles do agora com a ajuda de Joshua, um garoto que acaba savando Sherry dos Chorões que atacaram o pai da menina. Mas Sherry ainda tem o resto da sua família para levar a um lugar seguro e a menina também está determinada a encontrar seu pai, apesar de as chances não serem boas.

Achei fantástico como pequenos detalhes são revelados no decorrer do livro. O passado de Joshua, a situação da cidade, segredos sobre os Chorões, o vírus e o governo. Achei que tudo foi revelado no momento certo e admito que o final foi de deixar o leitor super ansioso pela continuação. Acho que o que não me levou a dar 5 estrelas foi porque o livro realmente é curto, não é superficial mas também não é tão profundo como eu esperava de uma distopia.

No geral é um livro curto com uma trama bem legal para quem curte distopias. Além disso, traz um pouquinho de romance, suspense e ação. O livro realmente me agradou e estou ansiosa para poder ler o próximo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Sua opinião é muito importante:)